Roberto Girola

Roberto Girola é psicanalista, filósofo e teólogo. Atuou por quase 20 anos no mundo editorial. Foi responsável pelo programa televisivo Terceiro Milênio, professor na área de Filosofia e Comunicação na FAAP e Anhembi Morumbi, atualmente ensina no Centro de Estudos Psicanalíticos. É autor de A psicanálise cura? e Perguntas a um psicanalista.

URL do site:

No seu famoso texto escrito em 1927 O futuro de uma ilusão, Freud contempla um ser humano que vive à mercê de sua natureza atravessada por poderosas forças instintivas que o levam a viver tendencialmente de forma predatória em relação à natureza e aos seus semelhantes. A cultura de forma geral e a religião de forma mais específica teriam assim a função de inibir essas forças destrutivas do instinto (pulsões). Neste sentido a cultura é vista como uma experiência que de alguma forma inibe a natural tendência do ser humano a ser dominado por seus instintos agressivos e sexuais; ela tem portanto uma função civilizatória: “Parece mais provável que cada cultura deve ser construída em cima de (...) coerção e renúncia ao instinto".

Analisando o sentimento religioso, Freud, que se proclamava ateu, o situa na tentativa que o ser humano faz, atendendo às suas necessidades inconscientes, de encontrar uma figura reconfortante de Pai protetor todo-poderoso e de superar as suas angústias ligadas à percepção da finitude da vida humana. A religião seria portanto uma poderosa forma de projetar o futuro de uma vida além da morte e de superar a própria finitude angustiante e irreversível significada pela própria morte.

Leia mais ...

Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/r/robertogirola/www/templates/gk_writer/html/com_k2/templates/default/user.php on line 136